FECHSESP - Diretoria da Fechsesp toma posse em Praia Grande

Quem Somos

Diretoria da Fechsesp toma posse em Praia Grande

 


Na manhã do sábado (19/05) a diretoria eleita da Fechsesp é empossada. A cerimônia foi realizada na colônia de férias da entidade, localizada na Praia Grande, São Paulo.

Em seu discurso, José Ferreira Neves que preside a Federação dos Empregados no Comércio Hoteleiro e Similares do Estado de São Paulo, reafirmou seu compromisso com a entidade. Ele diz: "Me alegro em continuar a frente da Federação. Mas teremos dificuldades diante do desfavorável cenário que o Governo impôs". Mas Neves garante: "Com muita garra enfrentaremos os contratempos".


O ato conduzido pela assessora jurídica Maria de Fátima Mussa Neves, contou com a presença de diversos sindicalistas. O vice- presidente da Força Sindical Paulo Roberto Ferrari, lembrou o caminho trilhado pela Federação. "A Fechesesp coleciona lutas e vitórias e têm uma história admirável. Desejo muita sorte aos diretores, pois vivemos tempos difíceis em que o movimento sindical está sem credibilidade e os trabalhadores estão sendo enganados".


"União é o que peço e desejo aos companheiros, que terão de lidar neste mandato com políticos que querem acabar com os Sindicatos". Esta foi a mensagem do 1º Secretário da Força Estadual, Hélio Herrera Garcia, que representou o presidente da entidade, Danilo Pereira da Silva.


 

Executiva - Os diretores executivos manifestaram seu profundo agradecimento pelo mandato, mas também ressaltaram suas preocupações com as medidas do Governo.

Para Francisco de Assis Dantas, 1º vice-presidente, "o país está em crise e vive momentos de profunda tristeza no âmbito trabalhista. Os trabalhadores têm de votar mais conscientes para que a economia volte a crescer no País". No mesmo tom, falou Francisco Pereira de Andrade, 2º vice-presidente. Ele sugere: "Só se deve votar nos políticos que atuam em prol dos interesses dos trabalhadores".


O Secretário geral Geraldo dos Reis comentou indignado: "O Ministério do Trabalho está sucateado, assim como os sindicatos e a Justiça do Trabalho, vamos dar o nosso melhor nessa gestão para reverter esse quadro".


O 1º Secretário Manoel Gonçalves Lima criticou duramente o atual Governo. Lima comenta: "Esse governo golpista comandado pelo presidente Michel Temer tirou o direito dos trabalhadores, mas o povo brasileiro tem a resposta nas mãos por meio das eleições. É preciso analisar os parlamentares que votaram a favor Lei Trabalhista para que eles não sejam reeleitos".


"Em breve os companheiros verão os reflexos dessa Lei Trabalhista, pois foi vendido algo a eles e, na verdade, a única intenção é prejudicá-los". Explicou Divaldo Savassi, tesoureiro geral.

Já Euclides Augusto Romanini, 1º tesoureiro, elogiou o presidente Neves e o nomeou como "um ícone do sindicalismo brasileiro".

 






Processo eleitoral - A advogada Maria de Fátima Mussa Neves conduziu todo o processo eleitoral. Ela explica: "Há mais de 25 anos elaboro e coordeno as eleições da Federação, sempre com muita responsabilidade e justiça". A advogada completa: "É uma grande felicidade participar de mais uma solenidade de posse. Agradeço à diretoria da entidade por confiar no meu trabalho".









Diretores - Durante a solenidade foi feita a entrega da carteirinha aos diretores empossados. 

Confraternização - Para celebrar a posse foi servido um almoço especial na colônia de férias.